O Profeta Jeremias teve um “companheiro e escriba” em seu conturbado ministério. Identifica-se como “Baruque, filho de Nerias” (Jr. 36:4) Ele é seu secretário e amigo. Juntos enfrentaram os turbulentos 18 anos finais do reino de Judá, a terrível queda e destruição de Jerusalém pelos babilônios e o consequente exílio no Egito.